terça-feira, 31 de dezembro de 2013

2014: Venha com tudo!



Se 2013 vai ser inesquecível?

Acho difícil não ser, foi o ano que descobri que sou mais forte do que imaginava, que confiança é algo que se dá a poucos e que as verdadeiras amizades são aquelas que estão ao seu lado nos piores momentos. Nesse ano descobri o tanto que o apoio da minha amada família foi importante para concluir ciclos e iniciar outros. Ano em que finalmente, me tornei jornalista! 
Que aprendi que amar pessoas adoráveis é fácil, difícil é amar quem não merece nosso amor ou quem faz de tudo pra não merecer. Entendi que Beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem. Que Você não só NÃO esquece a outra pessoa como pensa muito mais nela. Ano que aprendi que tem gente que manipula e finge que se importa com você, o mundo vive em "interesse modo on".  Percebi que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você. Entendi que se apaixonar é inevitável e que as melhores provas de amor são as mais simples. Que não há coisa melhor do que dar afeto e recebê-lo em retribuição. 
O ano que eu mais paguei a língua na vida: deixar de ser loira? Pintara unha do pé de vermelho? show sertanejo? Dançar funk? Não faltar à academia? Ser menos cautelosa e sentimental? Fazer o que me der vontade? Tomar um porre? Falar palavrão? Reconciliar? Eu não! #‎tomadistraída
Descobri que apesar de viver quase meio século esse tempo todo não é suficiente para realizar todos os meus nossos sonhos, para dizer o que tem de ser dito, para viver o que necessito. Que não preciso ter tanta pressa nem estar sempre certa, que as melhores coisas da vida acontecem no tempo de Deus...
E, se 2014 for metade do que 2013 foi, ficarei muito feliz!
O que espero desse novo ano? Apenas espero que eu possa ser uma pessoa melhor a cada dia, que tenha forças para superar as dificuldades que estão por vir e determinação para alcançar meus objetivos. Que os verdadeiros amigos permaneçam, mesmo que distantes, que eu conheça, finalmente, o tal desapego e que fique em minha vida apenas o que for necessário e preciso. Agradeço a Deus pelo ano que está acabando e por estar sempre comigo, e rogo suas bênçãos para 2014. À minha família e aos amigos, meu muito obrigado por estarem ao meu lado e que no próximo ano possamos novamente compartilhar momentos maravilhosos.

"Fechei os olhos e pedi um favor ao vento: leve tudo que for desnecessário, ando cansada de bagagens pesadas. Daqui para frente levo apenas o que couber no bolso e no coração." 
___Cora Coralina

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Um dia...


Eu me preocupava bastante com o que queria ser quando crescesse, quanto ganharia ou se me tornaria alguém importante. Às vezes, as coisas que você mais quer, não acontecem. E às vezes, as coisas que jamais esperaria, acontecem. 
Um dia, você conhece alguém. Alguém que muda sua rotina. Muda o seu modo de enxergar o mundo. Alguém que consegue te dar milhares de motivos para sorrir. Alguém em quem você pensa 25h por dia. Que diz coisas lindas pra você. Te manda sms’s de bom dia e  antes de você ir dormir. 
Um dia você conhece alguém, esse alguém entra na sua vida e a única coisa que você irá querer é que esse alguém não saia nunca mais dela. Porque, todos os dias, Você encontra milhares de pessoas e nenhuma delas te tocam, e então, um dia, encontra uma pessoa, e sua vida muda. Pra sempre.
        
             ___Querido John


Ouvindo: "It's time" - Imagine Dragons


sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Memories...


 
Se eu vivo bem sem você, porque eu continuo te olhando? Porque eu sempre volto aqui? Porque eu ouço musicas que lembram você? Por quê?  
Eu tento evitar, mas eu faço. Eu continuo fazendo. Eu posso pensar em você todos os dias, e mesmo assim prefiro o silêncio... 
Acho que eu quero ser o seu " nunca senti isso por alguém..."
                                                                                               __Tati Bernardi

Ouvindo:  "Always somewhere close" - Lifehouse


terça-feira, 8 de outubro de 2013

Les bonnes choses...



As coisas boas vêm para aqueles que esperam? 
Mentira. 
As coisas boas chegam para aqueles que sabem que a vida é dura e se esgota dia após dia.
As coisas boas vêm para aqueles que chamam alguém no meio da noite porque eles simplesmente não podem esperar até de manhã para dizerem eu te amo
As coisas boas chegam para aqueles que entram em um carro e percorrem duzentos quilômetros em uma madrugada fria, pois eles precisam estar com certa pessoa agora, nesse exato segundo. 
Coisas boas surgem para aqueles que correm para os braços da pessoa amada, correm, não andam, porque eles sabem que á cada minuto que ficarem longe um do outro é vida perdida. 
Coisas boas chegam sem hora marcada, sem data prevista para aqueles que sabem que a felicidade não bate á porta, e que essa tal felicidade é algo raro e deve ser valorizada, pois jamais será encontrada sem algum tipo de sacrifício. 
Coisas boas surgem, aparecem, chegam para aqueles que não querem ser os que ficaram para atrás se lamentando “Se eu tivesse um pouco mais de tempo, e seu eu tivesse feito diferente".
Catedrais.


PS: Seja corajoso. Vá atrás do que motiva seus melhores e mais sublimes sentimentos...

Ouvindo: "Love Illumination" - Franz Ferdinand

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Reflections of a Skyline


Sabe aquelas coisas que sentimos e consideramos bobas quando gostamos de alguém? Pois então, aqui elas ganham uma forma especial.  Reflections of Skyline é um magnífico texto de um curta metragem britânico que resume em seis minutos o maior sentimento do universo: O Amor.
É emocionante, de uma simplicidade e transparência incomum. 
Diria: intenso em sentimentos... fico sem ar toda vez que leio, ouço, vejo, sinto... vale super a pena. 



"E eu quero brincar de esconde-esconde, te emprestar minhas roupas, dizer que amo seus sapatos, sentar na escada enquanto você toma banho, e massagear seu pescoço. E beijar seu rosto, segurar sua mão e sair pra andar. Não ligar quando você comer minha comida, e te encontrar numa lanchonete pra falar sobre o dia. Falar sobre o seu dia e rir da sua... sua paranóia. 
E te dar CD's que você não ouve, ver filmes ótimos, ver filmes horríveis. E te contar sobre o programa de TV que assisti na noite anterior e não rir das suas piadas.
Te querer pela manhã, mas deixar você dormir mais um pouco. Te dizer o quanto adoro seus olhos, seus lábios, seu pescoço, seus peitos, sua bunda... 
Me preocupar quando você está atrasada, e me surpreender quando você chega cedo. E te dar girassóis e ir à sua festa e dançar. Me arrepender quando estou errado e feliz quando você me perdoa. 
Olhar suas fotos e querer ter te conhecido desde sempre. 
Ouvir sua voz no meu ouvido, sentir sua pele na minha pele, e ficar assustada quando você se irrita. Eu digo que você está linda, e te abraçar quando você estiver aflita, e te apoiar quando você estiver magoada, te querer quando te cheiro, e te irritar quando te toco e choramingar quando estou ao seu lado. E choramingar quando não estou. 
Debruçar-me no seu peito, te sufocar de noite e sentir frio quando você puxa o cobertor e sentir calor quando você não puxa. 
Me derreter quando você sorri, me desarmar quando você rir. Mas não entender como você pode achar que estou rejeitando você quando eu não estou te rejeitando, e pensar como você pôde pensar que eu te rejeitaria. 
E me perguntar quem você é, mas te aceitar do mesmo jeito. E te contar sobre o "tree angel", "o menino da floresta encantada" que voou todo o oceano porque ele te amava. Comprar presentes que você não quer e devolvê-los de novo. 
E te pedir em casamento, e você dizer "não" de novo mas continuar pedindo, porque embora você ache que não era de verdade mas sempre foi sério, desde a primeira vez que pedi.
 Ando pela cidade pensando. É vazio sem você mas eu quero o que você quiser e penso. Estou me perdendo, mas vou contar o pior de mim e tentar dar o melhor de mim porque você não merece nada menos que isso. Responder suas perguntas quando prefiro não responder, e dizer a verdade mesmo que eu não queira, e tentar ser honesto porque sei que você prefere. E achar que tudo acabou, espera só mais dez minutos antes de me tirar da sua vida. Esquecer quem eu sou e me deixar tentar chegar mais perto de você. E de alguma forma, de alguma forma, de alguma forma compartilhar um pouco do irresistível, imortal, poderoso, incondicional, envolvente, enriquecedor, agregador, atual, infinito amor que eu tenho por você."

Ouvindo: Up in the Air - 30 Seconds to Mars

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Aniversário: colhendo os frutos.


Hoje completo meus 31 anos e o que sinto neste momento é que desaprendi o tempo.
Existem anos que a gente nem sente, noites que duram eternidades, centésimos de segundo que significam uma vida inteira.
Tudo é movediço. Não existem verdades absolutas, pessoas absolutas, tempo absoluto.
Viver é desafiar esse relógio inventado pra encurtar a duração das coisas...
Afinal, envelhecer não é ruim. 
Envelhecer é colher, é entender que nunca vamos caber inteiros dentro da gente, que oportunidades não devem ser perdidas, nem experiências, e nem afetos, é perceber que todas as vezes que chamarmos sinceramente pelo amor, ele virá. 
Envelhecer é aprender que muitas coisas nessa vida já vêm prontas e lindas, e que não é preciso enfeitá-las. Algumas pessoas são um bom exemplo disso. Envelhecer é descobrir que nossa casa de verdade, é dentro de alguns abraços.
Sempre achei que envelhecer é para quem merece. Para quem tem fé.
Afinal, o Universo é generoso e estende a infância até encontrar quem a deseje, e faz isso dia após dia... ignorando completamente o tempo.
Porque se a gente souber envelhecer, tempo não existe !
E que o tempo passe assim, como de brincadeira, deixando recordações, vivências, sabedoria... Que venham muitos e muitos anos de vida! 

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

#queagostosejadoce


"Agosto, mês de ventos fortes, é um dos mais especiais do ano.
Para atravessar agosto é preciso antes de mais nada paciência e fé. Paciência para cruzar os dias sem se deixar esmagar por eles, mesmo que nada aconteça de mau; fé para estar seguro, o tempo todo.
Para atravessar agosto ter um amor seria importante, mas se você não conseguiu, se a vida não deu, ou ele partiu — sem o menor pudor, invente um. 
Remoto ou acessível, que você possa pensar nesse amor nas noites de agosto. Que se possa sonhar, isso é que conta, com mãos dadas, suspiros, juras, projetos, abraços no convés à lua cheia, brilhos na costa ao longe. E beijos, muitos. Bem molhados."
___ Caio Fernando Abreu



PS: E agora nos damos conta de que 2013 está ali, virando a esquina, apontando para seu sucessor. E 6 meses se passaram... é quando vc se dá conta de que o mês pode até mudar, mas não adianta nada se a pessoa não mudar suas atitudes. 
Que tal em vez de Agosto fazer algo por você, você fazer algo pra que ele valha a pena?! 
#ficadica

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Prayer for you...


"Que todo dia ao acordar e  deitar pra dormir, você ouça eu dizer o seu nome baixinho em minhas preces e sorria por isso daquele jeito bonito...
Que  - não importa o tamanho da distância - nunca, jamais, esqueça que o fato de você existir mudou pra sempre a minha vida e que o mundo me pareceu muito mais bacana depois que descobri que existia..."
                                                                            Ana Jácomo


  You’ve always believed in me, and I believe in you. And when you believe in someone it’s not for a minute or just for now, it’s forever.” 

                                                                        Clark Kent, Smallville

sexta-feira, 3 de maio de 2013






Porque a vida segue.
 Mas o que foi bonito fica com toda a força. 
Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga. E a gente lembra. E já não dói mais.
 Mas dá saudade. Uma saudade que faz os olhos brilharem por alguns segundos e um sorriso escapar volta e meia, quando a cabeça insiste em trazer à tona, o que o coração vive tentando deixar pra trás.

                                                                     Caio Fernando Abreu. 



PS: Não quero que o tempo volte..Nem que lembranças magníficas já vividas se repitam.Quero novas história..... Maiores e Melhores.  =]

sábado, 16 de março de 2013

Ao amado, ao nosso amor.

Quando você vier haverá o encontro da sua busca com a minha espera. 
E o seu abraço será a moldura do meu corpo. 
E a minha boca o pretexto para o seu mais demorado beijo.
E a gente vai brincar de se desmaterializar dentro das músicas vão  embalar nossas carícias até desatarmos auroras. 
E eu vou inventar uma madrugada eterna pra quando você tiver que ir embora no dia seguinte. 
E você vai inventar um domingo que vai durar pra sempre, porque tenho preguiça das segundas-feiras.
E a gente vai rir dessa maldade da demora do tempo pra fazer essa brincadeira de desencontro: Quase nos deixou descrentes… 
A gente vai rir dessa maldade, porque o nosso amor será a coisa mais bonitinha do mundo.
=]

 
Ouvindo: "Black in Black" - AC/DC (viciante...rs)

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Quem ama.


Quem ama, fica. Fica porque sair correndo pra longe é uma alternativa que simplesmente não existe como abandonar o local mais aconchegante desse planeta - aquele abraço que carrega um pouquinho da gente e nos passa uma paz absurda, calmante. 
Quem ama, tenta. Tenta porque pode não dar certo e não ser a primeira tentativa, mas enquanto houver palpitação nos segundos antes de ver ao vivo e mãos suando frio pelo medo de não dar certo de vez, é mais fácil se aprumar de comprometimento e dedicação que se acovardar sem nunca saber como poderia ter sido até então. 
Que ama, quer estar junto. À dois, justamente pela força da conexão que ainda existe, mesmo em dias que o sinal anda fraco e a gente acaba por não captar tão bem a sintonia
Quem ama não desiste. Até porque, desistir é tarefa pra gente fraca e esse lance de amor só cabe em quem é do tamanho da coragem - e poucos conseguem ser tão grandes por dentro. 
Quem ama, aprende. Ensina a si mesmo a respirar profundamente antes de descarrilhar emoções adversas, a contar até um milhão se for possível, a fazer da paciência uma aliada ao louco amor, porque só dessa maneira é possível funcionar em dupla. 
Quem ama pensa em futuro. E por pensar, diz. E por dizer, não se deixa levar pela maré de carnaval, amigos solteiros, crises e fases ruins. Escolhe conservar sonhos futuros e não deixa que aos poucos certezas ruírem e daqui uns meses sobre apenas ódio, nojo, indiferença.
Quem ama se preocupa. Acha simplesmente impossível seguir vivendo sem saber se ela voltou a comer chocolate e foda-se se possui lactose, não lida bem com a convivência de nunca mais saber se ele foi à academia e o sabonete para o rosto anda fazendo efeito. 
Quem ama, cuida. Toma-se do maior cuidado do mundo pra que muita gente não pragueje contra o objeto de amor, cultiva uma admiração que vai além dos campos sentimental e psíquico, tenta andar na linha pra que brigas eternas não se repitam e gerem apenas choradeira e rancor. 
Quem ama, sofre. Machuca ter e não estar bem; dilacera não ter e não saber como seria se tudo ao estágio maravilhoso retornasse. Mas mesmo assim, luta. Até o fim porque a gente se perde nesse labirinto chamado vida, cheio de difíceis escolhas e tentações, mas com o escudo da vontade própria e um pingente que cintila perto do peito fica mais fácil gladiar contra os percalços no meio do caminho.
Quem ama se desespera. Sai um pouco de si porque a simples ideia de perder alguém que na prática não nos pertence mais é exasperador. Quem ama se compromete. Dá a palavra, assina contratos verbais, se faz presente na vida diária, porque o cotidiano conta pontos intermináveis quando é lotado de tanto carinho. 
Quem ama, volta. Se permite voltar de ideia. Cai em si no tempo exato, leva em consideração horas ruins e momentos maravilhosos, se nega a ver como lembrança a paz de acordar do lado e dormir bem uma noite inteira por ser quase completo ali. Pondera na balança toda a felicidade grotesca de estar juntos e o infortúnio do desgaste que o passar do tempo obra na relação.
Quem ama quer, quem ama precisa, quem ama dá a mão, mesmo no calor, pra ter a certeza de não soltar nunca mais...
    cAmIlApAiEr

PS: "Me olha, desvia o olhar, sorri e levemente solta:  Eu já me decidi..."rs.

                        OUVINDO: "93 Million Milles" - Jason Mraz

terça-feira, 22 de janeiro de 2013


"A gente precisa ter alguém que a gente possa cuidar e que cuide da gente também. O nome disso é sobrevivência. Mas se você coloca um encantamento nesse pensamento, aí já não é mais sobrevivência, é amor…"

Ouvindo: Just the way you are Bruno Mars