terça-feira, 17 de julho de 2012

 Nós passamos pela vida de forma tão rápida, que chega a ser um desperdício ficar ao lado de pessoas que sugam nossa energia, que nos deixam pra baixo.
 Gosto de gente que sorri, que traz soluções e não problemas, que absorve abraços, que espalha carinho e me faz sentir a pessoa mais especial desse mundo. 
Gosto de usar o meu lado menina, sem ter que mostrar que também tenho um lado "leoa", que age com maturidade e determinação, sabe ser doce e principalmente dura se necessário for.
 Então... que eu fique com essa carinha de feliz. 
Tá bom demais.
 
"Resolvi: eu gosto é de gente leve. Gente de sorriso rasgado na cara, que tem a oferecer abraços, sorrisos e palavras doces e verdadeiras. Gente otimista que faz da vida poesia. Gente inteligente que faz da poesia a vida."
                                    Paolla Milnyczul
 Ouvindo: Charlie Brown - Coldplay

Nenhum comentário:

Postar um comentário